Início / Capa / Ministro do STF, Luiz Fux pretende acelerar ações penais de Bolsonaro

Ministro do STF, Luiz Fux pretende acelerar ações penais de Bolsonaro

Fux pretende levar para julgamento ações penais de Bolsonaro nos próximos 6 meses

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse nesta quinta-feira, 1, que acredita que as duas ações penais de sua relatoria em que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) é réu podem ser julgadas nos próximos seis meses.

As duas ações penais deverão ser julgadas pela Primeira Turma do STF. Numa delas, o pré-candidato à Presidência da República é réu por injúria e apologia ao crime. A autora é a deputada federal Maria do Rosário (PT/RS), sobre quem Bolsonaro declarou, em 2014, que “não estupraria a deputada porque ela não mereceria”. A outra denúncia é do Ministério Público Federal (MPF), que enxerga, na conduta do deputado, incitação ao crime de estupro.

“São duas ações penais, uma privada, outra pública. Uma está mais adiantada que a outra, numa delas falta oitiva de três testemunhas. Então, o ideal é julgar junto, porque os fatos são os mesmos, a categorização é que ficou diferente”, disse Fux a jornalistas.

Com informações do JP.



Veja também...

Depois Dos 40 Anos Não Há Depois, É Tudo Agora

Depois Dos 40 Anos Não Há Depois, É Tudo Agora Depois dos 40 anos, o …

Em recorde histórico, Sergio Moro é entrevistado no ‘Roda Viva’; assista

Em recorde histórico, Sergio Moro é entrevistado no 'Roda Viva'; assista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *